Este homem matou um policial e teve que usar fucinheira em julgamento

Esteban Carpio, residente de Providence, nos Estados Unidos, é um ex-cabeleireiro que resolveu seguir um triste rumo em sua vida.

Por: Igur Ribeiro
30 Janeiro 2018 13h 58min

Esteban Carpio, residente de Providence, nos Estados Unidos, é um ex-cabeleireiro que resolveu seguir um triste rumo em sua vida. Ele começou à traficar drogas e envolver-se com cafetões e prostitutas. Um dia, ele foi preso acusado por roubar e, em seguida, esfaquear uma senhora indefesa.

Então, ele foi levado ao tribunal para ser julgado.Enquanto ele esperava o julgamento, pediu para os agentes um copo d’água. Neste momento, Esteban aproveitou que apenas um homem ficou vigiando-lhe, então, ele roubou sua arma e acabou matando o policial. Ele conseguiu fugir do local, mas, depois de 45 minutos, foi capturado novamente e levado ao tribunal.


Quando o homem voltou, a polícia colocou uma máscara em seu rosto e alegaram que era para não ter risco de ele morder alguma pessoa. Porém, quando as pessoas viram seu rosto, entenderam a finalidade da máscara. Os policias agrediram brutalmente o bandido por ele ter matado o agente e por tentar fugir do local. Seu rosto estava totalmente debilitado e muitas pessoas ficaram assustadas ao vê-lo.



© 2018, Aquelamiga.com todos os direitos reservados.